Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.

Bem-Vindo

24 de Maio de 2018

Início do conteúdo
Topo do site, versão de impressão (Exemplo)
Página inicial > Comunicação > Notícias > EGR manifesta preocupação quanto à suspensão de fornecimento de material asfáltico pela Refap
Publicação: 07/05/2018 às 15:01

EGR manifesta preocupação quanto à suspensão de fornecimento de material asfáltico pela Refap

O diretor-presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Nelson Lidio Nunes, manifestou, nesta segunda-feira (7), preocupação quanto à redução do fornecimento de CAP (cimento asfáltico de petróleo) pela Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), em função de serviços de manutenção. “O insumo é utilizado nas obras rodoviárias e nas últimas semanas houve redução sensível nas atividades desenvolvidas por causa da escassez do material”, explica.

O dirigente destaca que a redução do fornecimento era prevista inicialmente para até o mês de abril, mas as últimas informações dão conta que a normalização só deverá ocorrer no final de maio. “Sabemos que não é um problema exclusivo da EGR, pois todas as rodovias utilizam o CAP fornecido pela Refap, mas o que nos preocupa é que, se iniciar o período de chuvas, somado à falta do material, poderá haver uma situação que prejudique muito as ações, inclusive os trabalhos emergenciais”, salienta.

Sobre a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR)

Em funcionamento desde 2013, conta com uma estrutura de 75 funcionários, contratados por concurso público. A EGR atua na conservação, manutenção, limpeza e implantação de melhorias em mais de 900km de rodovias no Estado. Também oferece aos usuários serviços de ambulância, guincho e resgate. A empresa pública é vinculada à Secretaria dos Transportes do Estado.

 

Endereço da página:
Copiar
EGR - EMPRESA GAÚCHA DE RODOVIAS S/A
Endereço: Av. Borges de Medeiros, 261 - 3º andar - Edifício União
Fone: Telefones
Porto Alegre - RS